Crescimento global do aprendizado online incentiva novas tecnologias para programas de T&D

Início/Educação/Crescimento global do aprendizado online incentiva novas tecnologias para programas de T&D

 

O aumento no número de matrículas em cursos online continua uma tendência ascendente com o crescimento global do aprendizado online que antecede a pandemia. A inovação tecnológica mudou a forma como os conteúdos educacionais são gerados e distribuídos. 

Entre as inovações, está a migração de modelos presenciais para plataformas de aprendizado online que tornam a capacitação mais dinâmica, atraente e vai muito além da transposição do conteúdo para um arquivo digital.

Continue a leitura para entender como o uso de novas ferramentas tecnológicas impactam nos programas de T&D, e conheça mais sobre as soluções digitais e integradas do DOT Digital Group.

O crescimento global do aprendizado online é uma brecha para novas oportunidades

No início da pandemia, o aprendizado online moldou a resposta a uma crise global que transformou a maneira como aprendemos. 

Uma vez que, as tendências mostram que a força combinada do crescimento global do aprendizado online e do trabalho remoto está criando uma brecha poderosa para fornecer não apenas habilidades, mas oportunidades de trabalho mais equitativas em todo o mundo.

Ou seja, com a dupla interrupção da pandemia e a automação intensificando a crise do desemprego, as pessoas em todos os lugares precisam desenvolver novas habilidades para um futuro digital

O Relatório de Impacto 2021 divulgado pela empresa Coursera, mostra que o maior crescimento veio de regiões onde a infraestrutura de ensino superior é severamente restringida em sua capacidade de atender a demanda de uma população em crescimento. 

A colaboração crescente entre universidades, indústria e governos para abordar as habilidades em escassez por meio do aprendizado online está moldando um modelo novo e inclusivo de aprendizado ao longo da vida. 

dotcm-blog-adote-novos-formatos-para-capacitacao-corporativa-digitalpng.png

Em 2016, 21 milhões de alunos se inscreveram nos cursos online das Universidades integradas a plataforma Coursera, número que aumentou anualmente em cerca de 7 milhões nos dois anos seguintes. 

Devido a mudança para o trabalho remoto quando a pandemia atingiu seu apogeu, houve um aumento de três vezes nos novos registros, elevando o número para 71 milhões em 2020 e 92 milhões em 2021.

As matrículas em cursos online seguiram um crescimento padrão semelhante, com o pré-pandemia ofuscados por grandes picos. O número de matrículas mais que dobrou em 2020 e aumentou 32% no ano seguinte, chegando a 189 milhões. 

Portanto, esses aumentos refletem a crescente aceitação global do ensino online, incluindo o aumento de alunos remotos em cursos de ensino superior e de comunidades vulneráveis ​​ou remotas.

dotcm-blog-infografico-crescimento-global-do-aprendizado-online.png

O que apontam as pesquisas sobre o crescimento global na procura de cursos online 

Em níveis globais, a Ásia-Pacífico teve a maior presença de alunos inscritos em cursos online, com 28 milhões de novos alunos matriculados em 68 milhões de cursos, seguidos pela América do Norte, Europa e América Latina.

Em comparação, apenas 3 milhões de alunos são da África, juntando-se a 5 milhões de cursos online. No entanto, a África registrou o maior crescimento tanto no número de matrículas de estudantes (até 43%) quanto nas matrículas de cursos (até 50%).

Afinal, o número de alunos que acessam cursos online agora excede os níveis pré-pandemia, relata a plataforma sobre o crescimento global do aprendizado online.

Devido a mudança para o trabalho remoto, as pessoas estão cada vez mais procurando o aprendizado digital para desenvolver as habilidades e navegar no mundo do trabalho em constante evolução.

dotcm-blog-microlearning-mitos-e-verdades.png

Em nível de país, os EUA lideraram a classificação com mais de 17 milhões de pessoas se matriculando em cursos online, seguidos pela Índia com 13,6 milhões.

Uma lacuna considerável separava essas duas nações do México, com quase 5 milhões, com Brasil e China completando a lista dos cinco primeiros.

A maior taxa de crescimento global do aprendizado online veio de economias emergentes, liderada pelo Paraguai, com um crescimento de 98%, totalizando 110.000 alunos.

O Líbano teve um crescimento de 97% em alunos, com 158.000 no total. Embora as Filipinas tenham registrado um crescimento de 85% de alunos, a nação do Sudeste Asiático registrou 1,3 milhão de alunos no total.

Outras nações emergentes com altos níveis de alunos matriculados em cursos online viram mais de 50% de crescimento em 2021, incluindo Indonésia, Quênia, Vietnã e Cazaquistão.

Requalificação para o futuro

O acesso ao aprendizado online de qualidade é um passo importante para ajudar as pessoas a prepararem suas habilidades para o futuro e buscarem novas oportunidades de crescimento e desenvolvimento.

De fato, a pandemia acelerou um mundo já em rápida mudança, onde tecnologias como IA e automação continuam a “atrapalhar” os mercados de trabalho e trazer mudanças estruturais. Isso cria um futuro incerto para muitos.

Afinal, espera-se que a taxa de mudança tecnológica de hoje continue ou acelere em algumas áreas, prevê o relatório The Future of Jobs Report 2020 do Fórum Econômico Mundial

Dessa forma, computação em nuvem, big data e comércio eletrônico parecem continuar sendo pontos focais para grandes empresas, juntamente com avanços em criptografia digital, robôs não humanoides e IA.

otcm-blog-as-principais-tendenciais-para-educacao-corporativa-digital-22.png

Para muitos, o futuro do trabalho já está aqui. Embora o número total de empregos perdidos na revolução tecnológica seja superado em número pelos “empregos de amanhã” que ela cria. 

O impacto imediato pode deslocar muitos trabalhadores e deixá-los sem as habilidades necessárias para desempenhar papéis novos e mais técnicos.

No entanto, a disrupção também cria novas oportunidades que exigem novas habilidades, e o maior foco das empresas na capacitação de pessoas oferece uma solução. 

Em média, 66% dos empregadores pesquisados ​​para o relatório esperam obter um retorno sobre o investimento dentro de um ano de desenvolvimento, qualificação e requalificação dos seus colaboradores.

Confira alguns matérias antes de começar a construir o seu programa de T&D:

>> 7 pontos que você precisa checar antes de desenvolver uma capacitação digital

>> Desenvolvimento de cursos online sob medida para T&D

>> 5 tecnologias para capacitar equipes híbridas

Fonte: World Economic Forum

2022-04-04T10:24:10-03:00