É de conhecimento de muitos o fato de que uma empresa que deseja aumentar sua competitividade precisa investir em Educação Corporativa. Com essa prática cada vez mais difundida no mundo dos negócios, fica o questionamento: quando surgiu a Educação Corporativa no Brasil e no mundo? Acompanhe esta leitura e descubra! 

Um mergulho no contexto histórico da Educação Corporativa 

Para trazer dados mais concretos sobre o assunto, fomos buscar informações no trabalho de Marisa Eboli, professora e pesquisadora referência na área de educação corporativa. Em termos de contextualização, Eboli traz um importante marco histórico: 

“ A troca de paradigma na gestão de empresas, a passagem da administração taylorista/fordista para a gestão flexível gerou forte impacto no comportamento das organizações. Estruturas verticalizadas e altamente centralizadas cedem espaço para estruturas horizontalizadas e amplamente descentralizadas. A rígida divisão entre trabalho mental e manual tende a ser eliminada; tarefas fragmentadas e padronizadas tornam-se integrais e complexas, exigindo, em todos os níveis organizacionais, pessoas com capacidade de pensar, decidir e executar simultaneamente.”

E foi nesse novo ambiente empresarial, em que o autodesenvolvimento e a aprendizagem contínua passaram a ser necessários em todos os níveis hierárquicos, que as empresas passaram a adotar sistemas educacionais que fossem além do conhecimento técnico e instrumental, desenvolvendo atitudes, posturas e habilidades. 

banner convite para baixar ebook

Diante dessas tendências, o comprometimento das empresas com o desenvolvimento dos seus colaboradores tornou-se uma grande vantagem competitiva no meio empresarial. Segundo Eboli, foi nesse cenário que surgiu a ideia da Universidade Corporativa (UC) como “eficaz veículo para o alinhamento e desenvolvimento dos talentos humanos de acordo com as estratégias empresariais”. 

A autora ainda afirma que apesar das primeiras Universidades Corporativas terem surgido no final do século 20, já existiam programas de treinamentos nas empresas. Entretanto, eram mais pontuais e restritos aos níveis gerenciais e à alta administração. 

O surgimento das UC’s marcou a transição do tradicional Centro de Treinamento & Desenvolvimento (T&D) para um pensamento focado em uma educação mais abrangente, voltada para todos os colaboradores de uma empresa — o que trouxe à tona uma nova modalidade da Educação Corporativa. 

Educação Corporativa no Brasil

De acordo com Eboli, a adoção do conceito de Educação Corporativa surgiu no Brasil no início da década de 90 — acompanhando o movimento do mercado, cada vez mais globalizado, para que as organizações investissem na qualificação de seus colaboradores como forma de obter um diferencial competitivo. 

banner convite para a solução de educação corporativa

Ainda na década 90, mais precisamente no ano de 1996, nasceu o DOT Digital Group — especialista no desenvolvimento de soluções para Educação Corporativa Digital. Uma história que se iniciou nos primeiros anos da Educação Corporativa no país, acompanhando a evolução do ensino a distância no Brasil, uma vez que a empresa surgiu no mesmo ano em que o Ministério da Educação criou a Secretaria de Educação a Distância

>> Que tal iniciar um projeto de Educação Corporativa totalmente digital na sua empresa? Clique aqui e fale com a gente!