” No meu tempo era diferente.”

Quem nunca ouviu esse argumento durante uma conversa sobre qualquer assunto? Essa é uma expressão corriqueira e que pode gerar diversas interpretações, muitas vezes ligadas à ideia de melhor ou pior.

A verdade é que, independentemente do tema abordado, algo é certo: as coisas mudam. E se elas mudam precisamos estar atentos a essas transformações e prontos para os cenários impostos de cada época, especialmente quando estes têm impacto direto no mercado de trabalho.

Juan Ignacio Pozo, especialista em psicologia da aprendizagem, diz que “nunca houve tantas pessoas aprendendo tantas coisas ao mesmo tempo como em nossa sociedade atual” e que essa aprendizagem se tornou não apenas uma exigência social crescente, mas também uma “via indispensável para o desenvolvimento pessoal, cultural e mesmo econômico dos cidadãos”.

Cada vez mais, as pessoas aprendem coisas novas a todo momento e de diversas formas. A sala de aula deixou de ser o fim e passou a ser também um novo início, repleto de possibilidades que nunca param de aparecer. São, de fato, outros tempos, mas se pensarmos em desenvolvimento somos pessoas diferentes de outras épocas também.

Neste contexto, cada pessoa assume a responsabilidade por seu próprio desenvolvimento, considerando aonde quer chegar ao unir perspectivas pessoais e profissionais.

Saiba mais no nosso novo e-book, clique aqui.

Fale com nossos especialistas em EdTech.